sexta-feira, 17 de julho de 2015

Carta Aberta


Nesta semana por conta do post O PESSIMISTA este blog sofreu uma verdadeira revolução. Mais de 80 mil acessos. Para um blog mediano está de ótimo tamanho.
Houve poucos comentários no post, mas comentários excelentes com grandes argumentos, obrigado
O título é baseado na música do Matanza que está nele e também ao fim de semana passado, parece que tudo conspirou para um mal estar geral...Até 3 membros de um motoclube muito conhecido foram assassinados, meus sinceros pesames.

Mas e o resto? Fico me perguntando quem são e por que entraram aqui. A maioria foram acessos do Brasil em grande parte graças ao OLD DOG CYCLES , seguidos por Estados Unidos e Alemanha, depois vem poucos acessos de vários países.

Este blog de nome horrível (sim eu concordo, a origem dele vem lá do começo dos anos 90 quando fazia capas de cd´s para bandas de Metal, na época pareceu um bom nome) sempre foi Underground com poucos textos e muitas imagens e videos sobre Motos, Carros Antigos, Rock em geral, e tudo que tem a ver com esse Universo.  Nada muito pretencioso, aliás parando para pensar bem, sem utilidade alguma.

Aí veio este post surgido de um comentário meu e um post feito lá no Old Dog..nada demais pensei, porém qual não foi a minha surpresa quando explodiu o numero de acessos, passando até o campeão de views OPIE, SONS OF ANARCHY E A VIDA

E claro surgiram muitas dúvidas além do espanto, como já disse antes houve poucos comentários mas mais de 4000 acessos em 2 ou 3 dias. E fico me perguntando...Quem são vocês?

Antes disso tudo sempre havia muitos acessos e poucos comentários, geralmente vindo de um perfil especifico, o cara que gosta de Motos e Rock...

Não gosto muito de escrever, porque me arrependo depois, mas em algumas ocasiões me sinto no dever de escrever algo... como isso.

E além de ficar pensando neste monte de acessos, o que mais me motivou a escrever foi o fato de que ainda há muitos brasileiros que "pensam diferente", essas coisas poderiam sair da tela do computador e virar atitude (dificil de me fazer entender digitando)
Acho que na cultura biker e na do Rock´n´Roll deveria haver mais união, mais incentivo de uns aos outros, e não adversidades de todo o tipo, sabe aquele lance igual a da comunidade judaica, ou maçom? Um ajudando os negócios do outro, ou ajuda moral mesmo...mais ou menos isso.

Mas aí entra as tais adversidades: a postura do que é ser biker ou não ser, a banda que o cara ouve, os simbolos que o cara curte ou não, o clube que ele faz parte ou o que ele não gosta e por aí vai...coisas pequenas. No fundo todos gostam basicamente do mesmo porém com algumas pequenas diferenças.

E esse é um dos pilares do blog, dentro deste universo um pouco de tudo, desde rock dos anos 50 a Black Metal, desde custom de 250cc até Harley Davidson,  desde pin ups e hotrods a motos modernas, desde bandeira do confederados até martelo de Thor...desde...bem é só olhar o blog no geral.E eu sei que há várias e várias pessoas que gostam de muitas coisas neste universo pois uma leva a outra. É o que eu chamo de efeito Motorhead/Ramones

Hoje eu estava olhando as páginas (site e facebook) de um motoclube bem grande que tem uma caveira como simbolo, gostei das muitas frases de impacto que tinham por lá
e as várias causas sociais em que eles estão engajados, me deu uma ponta de inveja não vou negar, parecem felizes nas fotos. Aí entra a grande contradição, os pontos de vista sobre este país, coisas que escrevi no post que ainda defendo e outras que me fazem pensar se eu realmente estou certo. E não vejo nada demais rever alguns conceitos, para mim evolução é isso, desde que a essencia seja a mesma, mudar algumas opiniões não é absurdo.

Mas eu estou longe desse clube que tem a caveira como simbolo, não conheço ninguém dele (a não ser um membro bem famoso) e também não tenho o perfil. Mas admiro muitas coisas deste clube e de outros também. E sinceramente que continuem assim.

Essas pessoas (alguns membros de mc´s, Bayer do Old  Dog, Wolfmann, quem comenta nos blogs de motos, alguns artistas, e muitas pessoas que não são o brasileiro tipico) podem fazer a diferença SIM neste país.

O Digital-Inferno segue sozinho na jornada (não por opção), assim que passar essa semana de oba-oba ele volta a ter a meia duzia que entra aqui regularmente e meus sinceros agradecimentos a vocês meia dúzia! Bastards!

Dá até medo publicar isso...

10 comentários:

  1. Cara, não sou muito de comentar as postagem. Não comentei o post O PESSIMISTA, mas sempre leio e concordo com muita coisa que você disse. E em relação ao boom de acessos, isso é resultado de um texto muito bem escrito e que transmite bem o que muitos pensam. Eu acho que você deveria continuar escrevendo sim. Não para que o blog tenha acessos, mas porque assim como o Bayer você escreve muito bem. E isso não é fácil.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala! vc é um dos meia duzia rsss, obrigado, sei que vc está sempre por aqui, e eu também entro no seu blog. Sobre escrever não sei não, o Bayer é mil vezes melhor do que eu nesse quesito Abs!

      Excluir
    2. hahaha, se eu faço parte dos meia dúzia você faz parte dos dois ou três que entram lá no meu. E se você não sabe escrever, eu então, tô é lascado com o que eu escrevo.

      Acho que o Bayer também escreve ótimos textos, mas isso não quer dizer que os seus sejam ruins. Eu dou a maior força para que continue.

      Abraço!

      Excluir
  2. Fala aí ..... beleza? Eu sou um cara que fica pulando de blog em blog lendo e as vezes dando minhas opiniões a respeito de vários assuntos...... Já frequentava seu blog a algum tempo, mas não comentei seu post O PESSIMISTA, (comentei o post do Bayer) ,mas fica aqui registrado o minha total aprovação. Lá no blog do Bayer eu comentei que o brasileiro deveria seguir o exemplo do Norte Americana no que diz respeito ao patriotismo e lutar por um Brasil melhor. Mas respeito a decisão das pessoas que vão embora em busca de algo melhor.......
    Bom, esse comentário é só para me manifestar porque vc pergunta " quem são voces"..... meu nome é Arthur!!!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Isso aí camarada!
    Pessoas como você nos ajudam e oxigenam a kultura do dia-a-dia.
    Acompanho o blog há algum tempo, me acidentei, detonei minha 535, desanimei, estou consertando em kustom klub mas eh dahora ver os zeros a esquerda nessa porra!
    Eh noiz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí somos 0 a esquerda! gostei da definição! We don´t have no class!

      Excluir
  4. Beleza Martins!
    Eu também não sou muito de comentar, mas eu fui uma dos muitos que conheceu seu blog através do Old dog, no post do pessimista!
    Já de cara vejo um clipe do Matanza, que fazia tempo que não ouvia, curti muito.
    Sou mais uma motoqueira, que anda todo dia nesse trânsito caótico, que me desfiz de uma moto por medo de roubo, que colocou um escapamento barulhento para alertar os distraídos e/ou mal educados no trânsito. Me identifico com tudo o que você postou sobre o pessimismo. Dá nojo de todo dia abrir o canal de notícias e ver que tem gente morrendo na fila do SUS, dinheiro de merenda de criança sendo desviada, policial mal pago, escolas fechando, um verdadeiro genocídio social para bancar prostitutas de luxo e bebedeira de donos de empreiteiras e políticos imundos.
    Será que melhora?! Eu acredito que não (não nesse século), pois nossa sociedade é baseada em anti-heróis, é admirado aquele que tira vantagem, o espertinho de "jeitinho brasileiro", enfim...
    Mas, por mais que meu sentimento de sair desse país seja grande, apenas estarei fugindo e abandonando o pouco que vale a pena aqui. A minoria que não é manipulada pela mídia precisa aumentar. E meu sentimento de lutar é maior do que de abandonar.
    Nossa responsabilidade é a próxima geração, criar nossos filhos longe do consumismo, da alienação do status e desenvolver pessoas críticas e inconformados com a sociedade.
    Fica um abraço e some mais uma na sua meia dúzia de seguidores do blog! =P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jun! obrigado pelo seu comentário!Eu também concordo com tudo que vc escreveu aqui, tá dificil e tanto sair quanto ficar também são decisões dificeis...
      E é um imenso prazer saber que você se juntará a meia dúzia!rs seja mais do que bem-vinda, abs!

      Excluir
  5. Gostei de pensar que talvez seja um "dos meia dúzia", já que estou sempre por aqui embora nunca tenha comentado nada.
    É realmente interessante como um blog como o seu ou o do Bayer por exemplo reúne o tipo de cara "diferente", digamos, mas que é tão parecido comigo com você e assim por diante. As vezes parece que estamos sozinhos nadando contra a corrente, contra tudo e todos mas daí percebe que existem mais alguns na mesma situação. É foda. Não sei se me fiz entender, enfim.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Gabriel! desculpe a demora....é a idéia é essa, é juntar caras (e minas) que pensam diferente, tem gostos diferentes, mas não é fácil..eu mesmo nado contra a corrente o tempo todo...mas estamos aí! quiser escrever mais fique a vontade ,,abs!

      Excluir