quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Surreal, ou... A que ponto chegamos?



Ouça com atenção o depoimento desse motoqueiro (ou motociclista já que...) 
15 caras de Hornet, mais um tanto de R1 para que? para assaltar outros motoqueiros no Rodoanel da Imigrantes...uma Kombi dando cobertura, cara que país é esse? que merda é essa? A que ponto chegamos?

4 comentários:

  1. Terra de ninguém.Isso aqui virou a terra de ninguém em todos os aspectos.

    Eu evito ao máximo, mesmo de custom, passar no rodoanel.

    A última vez que tive de passar por lá, no trecho da Castelo Branco até a Imigrantes, eu não vi nenhuma viatura da polícia ou da concessionária, é muito, mas muito tenso.

    Porém, não é só no rodoanel que está rolando isso, este final de semana voltando de um rolê pela anhaguera em 4 motos, na região de Campinas, fomos cercados por um grupo, devia ter pelo menos uns 20 e outro grupo que estava parado, mas todos em motos de 125/250cc, saíram do acostamento depois da saída de um pedágio e quiseram fazer graça, cortar, jogar a moto em cima, a maioria garupado com homem...nem sei se a intenção era roubar ou enfrentar, mas achamos uma brecha e enrolamos o cabo e não ficamos para conversa, nessa situação o valente é quem morre primeiro.

    Nem preciso dizer que para multar o cidadão comum, os radares destas rodovias e até mesmo a polícia são muito eficientes, agora para esses marginais, o Poder Público simplesmente fecha os olhos.

    Ta foda. Se eu fosse mais novo caia fora daqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não sei no resto do Brasil, mas a cada dia que passa para mim está muito claro de que há uma conspiração para você não ter mais carro ou moto em São Paulo. Industria das multas, ciclofaixas, faixas de onibus, falta de segurança, ipvas e outros roubos legalizados altos, seguro alto, estão fazendo de tudo para vc não andar motorizado mais....e parece que a nossa policia tem ordens para não fazer muita coisa no que diz respeito a roubos de veiculos, pois não se empenham em nada!

      Essa historia do Rodoanel já tinha ouvido falar que tava foda, mas não sabia que chegou neste ponto, um absurdo que ouvi também é que até na Bandeirantes perto do Serra Azul estão roubando motos.. até custom (?!!), tá foda!
      Sobre cair fora daqui , pra mim tá começando a virar uma realidade, depois faço um post sobre isso.

      Excluir
  2. Ia me esquecendo...sabe o que é pior? Esse é um de centenas ou até milhares de videos sobre roubos de motos, a maioria feitos em primeira pessoa (ou seja o cara tá com uma Gopro no capacete e filma ele mesmo sendo roubado) e parece até que é uma coisa banal, normal...

    ResponderExcluir
  3. Verdade. O cerco está se fechando e eles (Estado) estão cada vez mais hostilizando o possuidor de veículos motorizados. A impressão que se dá é que o Estado quer determinar até mesmo a forma que você deve ir ao trabalho, ou o modo de se divertir, do jeito que ele achar que é bom para você e ponto final!

    Outra coisa que me raiva é esse pensamento binômio e hipócrita que o brasileiro de uma forma geral tem, não existe mais do que 1 ponto de vista, se você utiliza veiculo motorizado você é malvado. O cara pedala um dia e no outro joga para cima de você com uma SUV gigante, mas ele está com a consciência limpa já que "está fazendo a parte dele.".

    Essa semana mesmo recebi 2 multas, 1 com cada moto, por "dirigir sem atenção ou cuidados indispensáveis à segurança". Até agora estou tentando entender a razão que não a tão falada indústria da multa.

    Com relação a esta conspiração, que eu acho bem crível, isso fica bem claro em matérias como estas daqui:

    http://especiais.jconline.ne10.uol.com.br/filhos-da-dor/

    É uma "demonização" sem precedentes, como se a moto sozinha, ferisse ou matasse alguém. Isso caí naquela frase manjada sobre armas: armas não matam pessoas, pessoas matam pessoas e as vezes também se matam. A grande verdade, que vem através dos anos e por conta do boom da kultura kustom recentemente vem sendo disfarçada, é que: a maioria das pessoas odeiam, odeiam com força, principalmente as motos. Só ver os comentários da dita matéria.


    Abs.

    ResponderExcluir